Comparar listagens

Como Escolher uma Imobiliária em São Paulo

Como Escolher uma Imobiliária em São Paulo

A facilidade de encontrar o imóvel que procura, profissionais capacitados para esclarecer todas as dúvidas e conhecimento aprofundado sobre região de atuação são apenas alguns dos fatores que devem ser levados em consideração.

Veja abaixo uma seleção de dicas para que possa comprar, alugar ou vender seu imóvel em São Paulo com segurança.

1 – Identifique a localização da empresa

Identificar a localização é o primeiro passo para escolher a sua imobiliária corretamente. Uma empresa, para ter conhecimento de determinada região, precisar atuar na área diretamente. Quando estamos falando da compra de um imóvel, esse conhecimento se faz ainda mais necessário. Isso porque os aspectos sociais, econômicos e culturais de determinada região influenciam diretamente no preço dos imóveis e também na qualidade de vida dos moradores.

2 – Verifique o registro no CRECI

O CRECI – registro no Conselho Regional de Corretores de Imóveis – é um importante diferencial para assegurar a seriedade de uma imobiliária. O órgão faz parte do Conselho Federal de Corretores de Imóveis (COFECI), responsável pela supervisão dos serviços prestados por imobiliárias e seus corretores.

Quando uma imobiliária tem o registro, é comum que ela exiba o número em sua comunicação, como sites e panfletos. É importante frisar que apenas o registro da imobiliária não garante que todos os seus corretores também sejam registrados. Por isso, ao ser atendido por um corretor de imóveis, verifique antes o seu registro no CRECI individualmente.

3 – Analise o histórico da imobiliária

O histórico da imobiliária pode ser consultado por meio dos moradores locais e também da internet. Pela facilidade, a consulta online é mais recomendada e permite uma avaliação melhor antes de escolher a sua imobiliária.

Hoje em dia, com o advento da internet e redes sociais, uma empresa séria e comprometida com seus clientes preocupa-se em manter uma boa presença online e interagir com seus seguidores. Se a empresa que você estiver cofiando não possuir uma sessão sobre ela em seu site, com seus valores, missão e visão, um blog sobre as notícias do mercado ou um perfil em redes sociais, é sinal que ela não é tão confiável assim e pode te trazer prejuízos.

4 – Observe a quantidade de imóveis

Um imobiliária de confiança possui uma vasta carta de imóveis, com opções diversas tanto para venda ou locação, de acordo com as necessidades do seu público alvo.

Quem está interessado em ofertar um imóvel através de uma imobiliária busca visibilidade e qualidade de público. Portanto, a lógica é simples: quanto mais imóveis uma imobiliária tiver em seu estoque, maior também é a visão positiva que o mercado e os clientes têm sobre ela.

5 – Preste atenção na qualidade no atendimento

A qualidade no atendimento é outro fator essencial para avaliar os serviços de uma boa imobiliária. Não adianta nada investir em um bom site e fotos bonitas nas redes sociais, se na hora do atendimento o cliente não se sentir bem atendido e compreendido. Além de um bom contato pelos canais de atendimento, o espaço físico também deve estar limpo e agradável, com cadeiras confortáveis e sinalização adequada.

6 – Consulte a opinião de antigos clientes

Quem melhor que os antigos clientes para consultar a reputação de uma imobiliária? Se você não sabe onde encontrá-los, é simples. Busque nos canais de avaliação on-line, como a sessão de avaliação da página no Facebook.
Nesse canal, as pessoas costumam dar sua nota sobre os serviços prestados e descrevem sua experiência com a empresa.

img

Editor Chefe

    Posts relacionados

    Formas de Aproveitar o Espaço de um Apartamento Pequeno

    Cada vez mais vemos lançamentos imobiliários com metragens reduzidas e por isso a procura por...

    Continue lendo
    por Editor Chefe

    Sem manutenção imóvel pode perder metade do preço

    Todo motorista calejado sabe que o carro começa a perder preço quando sai da concessionária,...

    Continue lendo
    por Editor Chefe

    Limites Financeiros para o Programa Cartão Reforma/2018

    Foi publicado nesta sexta-feira (09), no Diário Oficial da União (DOU), o primeiro processo...

    Continue lendo
    por Editor Chefe